lucratividade x rentabilidade

Um bom gestor sabe que para manter a sua empresa crescendo e se consolidando no mercado precisa acompanhar os resultados do negócio com frequência. Dessa forma, os cálculos de lucratividade e rentabilidade são fundamentais para auxiliá-lo a identificar como anda a saúde financeira da companhia, se é preciso montar estratégias e quais seriam mais eficazes para alavancar a organização ou tirá-la do prejuízo.

Lucratividade e rentabilidade são ferramentas importantes nesse processo de gestão empresarial, mas os termos muitas vezes são confundidos e utilizados como sinônimos, o que pode culminar em uma má gestão. Na verdade, cada um dos termos possui suas particularidades e traços distintos bem definidos, apesar das semelhanças que os cercam.

Qualquer empresa para se manter ativa precisa de capital, ou seja, é necessário que tenha receita suficiente para cobrir suas despesas, do contrário ela tem prejuízo e entra em crise. Portanto, para avaliar bem as finanças da companhia é imprescindível que se conheça as diferenças entre rentabilidade e lucratividade e como se dá a aplicação de cada um na administração do negócio.

Lucratividade

Apesar da lucratividade caminhar ao lado da rentabilidade, os termos representam coisas diferentes. A lucratividade está mais associada ao preço que é estabelecido aos produtos ou serviços ofertados pela empresa, pois ela é o indicador que demonstra o ganho da empresa em relação a atividade que desenvolve. Ela identifica se a empresa consegue arcar com seus custos e despesas e gerar lucro com a receita gerada através da venda de produto ou oferta de serviços.

A lucratividade está atrelada a receita total e lucro líquido, estabelecendo o ganho real da empresa. Seu cálculo mostra o percentual de ganho em cada mercadoria ou serviço. Analisar a lucratividade auxilia na precificação dos produtos de modo a estabelecer um valor seguro e que dê bons resultados, ou seja, traga lucros.

Como calcular?

Deve ser levado em consideração o lucro líquido, não é toda e qualquer receita que é levada em consideração. Podemos obter o resultado da lucratividade usando a seguinte fórmula para calculá-la:

Lucratividade = (lucro líquido/receita bruta) x 100

Para entender melhor como funciona esse cálculo vamos considerar uma empresa fictícia que está iniciando no ramo de venda de mochilas. O consumidor paga R$60 por mochila. Desse valor, R$15 são deduzidos por impostos, R$12,50 são os custos da matéria prima e outros R$12,50 é destinado a mão de obra. Assim, R$40 de cada item vendido é utilizado para custos e despesas e o lucro líquido é de R$20 por mochila.

Se a empresa vende 100 mochilas em um mês, sua receita bruta (sem considerar custos e despesas) será de R$6000, e o lucro líquido é de R$2000, pois fazemos as deduções dos custos. Assim, o cálculo da lucratividade será:

 

Lucratividade = (2/6) x 100

Lucratividade = 0.33 x 100

Lucratividade: 33,3%

 

Ao obter o resultado do cálculo é possível perceber se o negócio justifica a operação, se a empresa estabeleceu um preço para sua mercadoria que a mantém na meta de lucratividade desejada, se é necessário tomar algum posicionamento diferente nas vendas, quadro de funcionários, matéria prima e demais aspectos que influenciam tanto no valor de custo quanto no valor da venda.

Rentabilidade

Como já discutimos, rentabilidade e lucratividade são conceitos que andam juntos, por isso acabam sendo tidos como sinônimos. Um dos fatores que influencia essa confusão entre eles é que a rentabilidade também traz seu resultado em percentual e leva em consideração o lucro líquido.

A rentabilidade deve ser utilizada ao considerar a realização de promoções, pois geralmente são períodos em que o lucro é reduzido. A rentabilidade diz respeito ao retorno do investimento que foi feito num empreendimento ou retorno que um investimento específico pode proporcionar.

Como Calcular?

 Para obter o resultado da rentabilidade devemos levar em consideração a seguinte fórmula:

Rentabilidade = (lucro líquido/investimento) x 100

Então suponhamos que a mesma empresa de mochilas resolve investir em propaganda. Ao todo foi investido um total de R$10 mil com marketing o que fez com que a empresa passasse a ser mais conhecida e aumentasse sua demanda, elevando suas vendas para 750 unidades de mochilas, ou seja, uma receita bruta de R$45 mil, com lucro líquido de R$15 mil. Dessa forma:

Rentabilidade = (15.000/10.000) x 100

Rentabilidade = 1,5 x 100

Rentabilidade = 150%

Assim, a cada R$1 investido a empresa teve uma rentabilidade de R$1,50. Esse cálculo pode nos ajudar a perceber a viabilidade de um investimento e evitar que erros se repitam ao tomar decisões de investimentos novamente.

Conclusão

Apesar de serem coisas diferentes com particularidades próprias, ambos os conceitos precisam andar juntos e são indispensáveis para verificar a saúde financeira da empresa, garantindo que tudo esteja funcionando como planejado e atestando uma gestão eficiente.

Uma companhia pode ser lucrativa sem ser rentável e pode ter alta rentabilidade nos investimentos, mas pouca lucratividade. Essa análise irá auxiliar na tomada de decisões e permitirá enxergar de forma mais ampla o cenário real da organização.

Fórmula Lucratividade e da Rentabilidade
Fórmula Lucratividade e da Rentabilidade

Postagens Recomendadas

Nenhum comentário ainda, adicione sua voz abaixo!


Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *